5 grandes contos de Edgar Allan Poe para ler urgente!

Listas

Sem grandes motivos, apenas selecionei os meus cincos grandes contos de Edgar Allan Poe. Aguenta essa:

A queda da casa de Usher

Publicado pela primeira vez em 1839, o conto é sobre Roderick e Madeline, irmãos que sofrem de vários problemas de saúde. O narrado, amigo deles, tenta ajudar os irmãos, mas… tantas coisas acontecem! Tem tempestadas, dragões – sim, sim – e um intruso na casa…

O gato preto

Clássico é clássico. O conto foi publicado em 1843. Um narrador alcoólotra, violento e perverso. A gente não sabe onde começa uma coisa e termina outra. Dizem que o personagem reflete um pouco do próprio autor que tinha muito medo de perder o controle da própria vida. O conto lida com um tema dolorido para todos: a culpa.

Berenice

Publicado em 1835. Não é todo mundo que gosta deste conto, mas ele está na minha lista dos cinco mais porque gosto muito da construção da narrativa, o mistério que envolve Berenice, uma mulher que fica doente e mantém apenas os dentes saudáveis, transforma Egeu, o homem que deseja casar com ela, em uma pessoa obcecada, louca. Adoro esses extremos do Poe, que são elevados por coisas assim, tão inimagináveis.

O escaravelho de ouro

Conto de 1840. Um estilo de aventura. Aqui amigos vão tentar encontroar um tesouro e descobrem, calro, um escaravelho de ouro. Mas Poe é Poe… O conto não é apenas sobre isso, tem muito mais, como personagens desequilibados, obsecados, loucos…

O poço e o pêndulo

O Poço e o Pêndulo, publicado pela primeira vez em 1842, é, para mim, um dos mais terríveis, pois lida com um tema muito difícil de aceitar: a tortura. Não somente física, mas psicológica também. O conto passa-se na Espanha, durante o período da Inquisição.

Onde comprar livros com os contos de Edgar Allan Poe:

Amazon
Livraria Saraiva


Pedro Machado tem 28 anos, mora em Itapetininga – SP. Gosta mais de livros que café, mas acha divertida essa junção. Acredita que Poe ainda vive – em um canto de sua própria casa. Teme ficar obcecado por isso, mas se controla ao som de música clássica e uísque, mas só aos finais de semana.

Seja um colaborador(a) do site Livro&Café! Saiba como no link abaixo.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.