7 filmes sobre a relação entre pais e filhos

Listas

 

Pais e filhos. Uma relação que acontece em um formato diferente da relação mães e filhos, não que isso possa mensurar o amor, porque amor é amor, mas os caminhos que constróem essas relações podem ser diferentes, pois diversos motivos, como disposição, entrega, coragem etc. Abaixo uma lista com 7 filmes sobre a relação entre pais e filhos. Para assistir, pensar…

Capitão Fantastico (2016)

Nas florestas do estado de Washington, um pai cria seus seis filhos longe da civilização, em uma rígida rotina de aventuras. Ele é forçado a deixar o isolamento e leva sua família para encarar o mundo, desafiando sua ideia do que significa ser pai.

À procura da felicidade (2007)

Chris Gardner enfrenta uma vida difícil. Despejado de seu apartamento, este pai solteiro e seu filho não têm onde morar. Chris consegue um estágio não remunerado em uma firma de prestígio. Sem dinheiro, os dois são obrigados a viver em abrigos, mas Chris está determinado a criar um vida melhor para ele e seu filho.

Pais & filhos (2013)

Ryota é um homem que vive feliz com sua esposa e seu filho de seis anos. Seu mundo cai ao descobrir que seu filho foi trocado por outro na maternidade. A partir desse momento, ele terá que decidir entre seu filho biológico e o menino que criou.

Quando você viu seu pai pela última vez (2008)

Apesar de sempre terem tido um relacionamento complicado, a descoberta de um câncer faz com que um poeta resolva se reconciliar com seu pai. Porém para isso, ele precisará enfrentar memórias conflitantes que viajam entre os anos 50, 60 e o fim dos anos 80.

Procurando Nemo (2003)

Em seu primeiro dia de aula, esquecendo os conselhos do pai superprotetor, Nemo é capturado por um mergulhador e acaba no aquário de um dentista. Enquanto Nemo tenta bolar um plano para escapar, seu pai cruza o oceano para resgatá-lo.

Peixe Grande (2004)

Quando Edward Bloom fica doente, seu filho William viaja para ficar com ele. William tem uma relação tensa com Edward porque seu pai sempre contou histórias exageradas sobre sua vida e William sempre achou que ele nunca disse a verdade. Mesmo no leito de morte, Edward narra histórias fantásticas. Quando William, que é um jornalista, começa a investigar os contos de seu pai, ele começa a entender o homem e sua mania de contar histórias.

A vida é bela (1999)

Ambientado na dura realidade da Segunda Guerra Mundial, assista à comovente fábula chapliniana de amor e fantasia que conta a história de um homem que usa sua imaginação e seu infatigável espírito para salvar aqueles que mais ama.


Fã de David Foster Wallace e Italo Calvino, perde horas assistindo séries na Netflix, gosta de sorvete de amendoim e ouvir The Strokes aos domingos de manhã.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-ShareAlike 4.0 International License.