Planejando aula com o Evernote: uma experiência positiva

Evernote: uma experiência prática e fácil

Decidi testar o Evernote porque tive dificuldade em fazer meus planejamento no Word. A demora do programa da Microsoft para abrir e a forma de visualização de todos os arquivos foi o principal item que me fez mudar.

O Evernote, um programa que surgiu em 2008, é ótimo se você precisa fazer anotações e acessá-las de diferentes lugares.

Evernote é para diversos dispositivos, como computador, celular, tablet…

Na sala de aula, costumo usar no próprio computador. Mas o mesmo conteúdo pode ser acessado em outros 3 dispositivos de forma gratuita (mais que 3, é necessário pagar). Sendo assim, eu tenho o programa instalado no meu notebook, no meu celular e também já deixei logado no meu navegador de internet.

Ter uma única ferramenta em 3 lugares é ótimo, pois, por exemplo, nos momentos em que o computador trava, você tem o celular. Se está sem internet no momento da aula, você tem o notebook. Se você esquecer seu notebook ou celular, pode acessar em algum computador mais próximo.

CONFIRA EM NOSSA COLUNA “Dos livros para as lousas”: um espaço com ideias e planos de aulas para professores. O objetivo é, a partir dos livros, colaborar com a profissão docente.

A praticidade de usar os modelos ou começar do zero

O programa é bastante intuitivo. Ao lado direito, você verá as opções de criar “Cadernos” e dentro de cada Caderno, você pode criar as “Notas”. O meu ficou assim:

No site do Evernote há uma espaço que explica passo-a-passo como utilizar os modelos

Detalhes do meu Planejamento Semanal no Evernote

Eu criei a partir da função de tabelas. É simples e fica super organizado. Toda semana, duplico a nota, deleto as informações da semana anterior e pronto!

Como coloquei um campo para informar os alunos que faltaram, ficou mais prático até para organizar o Diário de Classe.


Por fim, outra vantagem é também ter um espaço para anotar observações importantes sobre os alunos, suas dificuldades e avanços.

Caso queira usar o meu modelo, acesse aqui!


Avatar
Francine Ramos

Editora da Livro&Café desde 2011. É professora de Língua Portuguesa e tenta ser escritora (um conto seu foi publicado na coletânea Leia Mulheres, em 2019). Acredita que os livros podem mudar o mundo e ama Virginia Woolf.

Não há comentários. Seja o primeiro!

Deixe um comentário

O seu e-mail não será publicado