Carta amarela nunca enviada

“Quantos quase cabem num segundo?”. Eu não sei por que estou escrevendo essa carta. Sei que nunca a enviarei para…

O valor do meu riso?

Prometi uma crônica por semana, ou uma pequena anotação, um parágrafo apenas que me trouxesse de volta o desejo de…