Charlotte Perkins Gilman

[Podcast] #7 Leitura em tempos de isolamento: “O papel de parede amarelo”, de Charlotte Perkins Gilman

Num momento em que os dramas do confinamento e do machismo saltam aos nosssos olhos, Charlotte Perkins Gilman tem muito a nos ensinar.

Isolamento. Um casamento frustrante. Machismo da família e da sociedade. Depressão. Loucura. Palavras tão em voga nos nossos dias, mas que já estavam presentes em um dos contos mais pungentes sobre a opressão feminina, publicado no final do séc. XIX. No sétimo episódio do podcast da Livro & Café, quis trazer algumas impressões sobre a minha leitura de “O papel de parede amarelo”, escrito em 1892 pela autora e feminista estadunidense Charlotte Perkins Gilman.

Você também pode ouvir o episódio no Spotify e nas principais plataformas de streaming:

Abaixo, alguns títulos que ajudam a refletir sobre a obra:


Leia mais: “O papel de parede amarelo, de Charlotte Perkins Gilman, é sobre matar o anjo do lar”

Imagem padrão
Rossana Pinheiro-Jones
Rossana Pinheiro-Jones é Doutora em História e Bacharel em Direito. Gosta de linhas, letras, gatos e café. Atualmente, vive em Londres com uma estante em busca de novos livros e ensina inglês para quem gosta de literatura.

Assine nossa newsletter

Toda semana um resumo com os principais conteúdos da revista em seu e-mail!

Deixe um comentário